Escola em tempo integral: quais são seus diferenciais?

A escola em tempo integral é um projeto que começa cada vez mais a ser implementado no Brasil, muitas escolas públicas e privadas já oferecem este modelo de ensino. Mas, você sabe quais os diferenciais dela?

 

Na hora de matricular seus filhos, muitos pais se perguntam se esta é a melhor opção, é normal ter dúvidas nesse momento, a principal questão é se ela realmente vale a pena e se ajudará no processo de aprendizagem do aluno. A escola em tempo integral apresenta vantagens e desvantagens, é necessário conhecê-los antes de tomar qualquer decisão.

 

 

Vantagens

Oportunidade para maior diversidade nos projetos e atividades

 

A escola em tempo integral permite que os professores criem planos de aulas mais diversos, em que o tempo extra seja aproveitado para a inclusão de atividades que abordam diferentes temas e que vão além do que é obrigatório no currículo escolar. Por exemplo, através de projetos interdisciplinares. 

 

As horas a mais podem servir para incentivar o desenvolvimento dos alunos em diversos âmbitos, como o cognitivo, social e cultural. Para isso, é primordial que haja um planejamento cuidadoso, com análise de quais atividades devem ser inseridas, para fomentar a criatividade e o pensamento crítico dos alunos.

 

Auxilia os pais que trabalham o dia inteiro

 

Muitos pais ou responsáveis dos alunos precisam trabalhar 8 horas ou mais por dia e se preocupam em onde deixá-os ou em tê-los sozinhos em casa, passando muitas horas em frente ao computador, por exemplo. 

 

A escola em tempo integral pode ser uma solução nessas situações, pois, é possível ter a tranquilidade de que as crianças e adolescentes estarão em um ambiente pensado para seu desenvolvimento. 

 

Melhoria no rendimento do aluno

 

A escola em tempo integral permite com que os alunos sejam acompanhados mais de perto pelos professores, isso pode ajudar com que eles tenham uma melhora no rendimento escolar. Além disso, ao passar mais tempo na escola, cria-se uma rotina de estudos e fica mais fácil evitar a procrastinação. 

 

Dessa forma, as  crianças e adolescentes conseguem reduzir o número de horas em frentes as telas, jogando videogame ou assistindo televisão, por exemplo, e substituir isso por atividades educativas e de socialização com outros alunos. 

 

 

Desvantagens

Conflitos entre a família e a escola

 

Na escola em tempo integral, os alunos irão passar a maior parte do dia na escola e, infelizmente, devido a isso, muitos pais criam a ideia de que é responsabilidade dos professores educarem seus filhos, o que pode acarretar em diversos conflitos. 

 

Essa é uma ideia equivocada e que precisa ser esclarecida, os professores não substituem e nem devem exercer o papel essencial dos pais, na formação das crianças e adolescentes. Para ajudar nessa compreensão, é muito importante estabelecer um diálogo com as famílias.

 

Sentimento de monotonia

 

Sem um bom planejamento, a rotina da escola em tempo integral pode gerar uma sensação de monotonia e tédio aos alunos, fazendo com que eles tenham dificuldade de concentrar-se nas atividades por tantas horas. Por isso, é muito necessário pensar em atividades diversas, em que o tempo extra seja aproveitado de fato. 

 

Inevitavelmente, será criada uma rotina, mas é possível pensar projetos que impulsionam a participação dos alunos e desenvolva a criatividade  deles, para que eles não passem o dia inteiro apenas olhando para o quadro. 

 

Mais tempo não quer dizer mais qualidade de ensino

Um dos grandes problemas quando o assunto é escola em tempo integral são os recursos que a escola oferece para dar suporte a este tipo de ensino. Contar com uma boa infraestrutura fará toda a diferença. Por exemplo, como um professor de química pode propor aulas práticas, para aproveitar as horas a mais, sem materiais ou um laboratório? 

 

Além disso, é preciso ter uma equipe bem preparada,  para que seja possível fazer um planejamento de qualidade e oferecer o melhor para o aluno. Na hora de decidir fazer ou não a matrícula para período integral, vale a pena considerar todos estes fatores, além de avaliar as características individuais de cada criança e adolescente, pois todos têm características únicas que influenciam no processo de aprendizado e podem ajudar a pensar no que será melhor para o rendimento dele. 

 

O que você acha das escolas em tempo integral? Você dá aula nessa modalidade ou pensa em matricular seus filhos nesse tipo de escola? Conta para a gente nos comentários e aproveite para compartilhar o post nas suas redes sociais, eles pode ajudar pais que estão com dúvidas sobre o assunto.

06
qualicorp
01
02
05